Gaúchos Unidos pela Vacina: veículos do RS se engajam em campanha para conectar rede de apoiadores do Rio Grande do Sul | Grupo RBS
Banner Interno

Relações com Imprensa

Gaúchos Unidos pela Vacina: veículos do RS se engajam em campanha para conectar rede de apoiadores do Rio Grande do Sul

A partir desta terça-feira (11), célula local de mobilização nacional inicia campanha 360º no Estado para distribuir informações certificadas à população, ampliando o conhecimento e o engajamento sobre o tema

Anúncio Gaúchos Unidos Pela Vacina: Crédito: Divulgação

Anúncio Gaúchos Unidos Pela Vacina: Crédito: Divulgação

Com o objetivo de encontrar saídas para frear o coronavírus e avançar por dias melhores, inicia, nesta terça-feira (11), uma nova fase da célula local da iniciativa Unidos pela Vacina no Rio Grande do Sul. Por meio de uma campanha 360º, desdobrada em conteúdos publicitários e editoriais em rádio, TV, jornal e digital, a iniciativa busca contribuir para a informação e a conscientização da população gaúcha, além de conectar rede de apoiadores no Estado que possam acelerar o processo de vacinação, em uma grande mobilização em prol da vida.

A ação será dividida em dois momentos. Inicialmente, as iniciativas são guiadas por um viés de conscientização, em peças que relembram a importância da vacina para que possamos vencer o coronavírus e reforçam as principais recomendações para evitar a doença, como usar máscaras, evitar aglomerações e intensificar os hábitos de higiene.

Para que a mensagem chegue a todos os cantos do Estado, a Associação Gaúcha de Emissoras de Rádio e Televisão (­Agert) mobilizou os principais veículos do Estado, que se engajaram na causa e farão uma grande corrente estadual nos meios TV, rádio, jornal e digital em prol de uma solução possível. O Grupo RBS faz parte da iniciativa.

– Este é um momento histórico e que me emociona, quando todas as emissoras se dão as mãos por um objetivo comum. A vacina é a solução – disse o presidente da Agert, Roberto Cervo Melão, em reunião em que estiveram as lideranças das principais empresas de comunicação do Estado.

O filme publicitário, que será exibido nos intervalos das emissoras de televisão, contará com a participação de artistas e personalidades gaúchas identificadas com o público. São eles: Angela Dippe (atriz e humorista), Armandinho (músico), Brenno (jogador do Grêmio), a dupla Claus e Vanessa (músicos), Deise Nunes (primeira negra do país a ser coroada Miss Brasil), Edenilson (jogador do Inter), Guri de Uruguaiana (humorista), Ieda Wobeto (ex-BBB), Léo Pain (músico), Luiz Marenco (músico), Mano Lima (músico), Martha Medeiros (escritora), Mayra Aguiar (atleta), Serginho Moah (músico), Thedy Corrêa (músico) e Zé Victor Castiel (ator e colunista).

Em um segundo momento, a mobilização terá como foco arrecadar doações de itens fundamentais para o transporte e armazenamento das vacinas, a serem destinados para o Instituto Cultural Floresta, responsável por liderar a atual frente de parcerias no Estado, que visa fazer a ponte entre demandas identificadas e os recursos que doadores (empresas e entidades) podem oferecer.

Além de filmes, a campanha 360º contará com peças publicitárias em jornal, rádio e digital e conteúdo nos veículos e nas redes sociais do Grupo RBS, por meio da hashtag #GaúchosUnidosPelaVacina.

Sobre o movimento Unidos pela Vacina – idealizada pelo Grupo Mulheres do Brasil, presidido pela empresária Luiza Trajano, a iniciativa reúne empresários e entidades de todo o país com o objetivo de identificar obstáculos em cada um dos municípios do Brasil que possam atrasar a vacinação, como problemas de logística, transporte e armazenamento da vacina, contribuindo com o Programa Nacional de Imunização, liderado pelo governo federal, e com estados e municípios. Além disso, o Unidos pela Vacina se propõe a organizar uma rede de apoiadores que contribua para mitigar esses obstáculos. Ou seja, construir as pontes entre a sociedade civil e o poder público, acelerando o processo de vacinação no país.

No Rio Grande do Sul, o movimento iniciou-se a partir da mobilização da Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs), do Instituto Cultural Floresta, da Associação Gaúcha de Emissoras de Rádio e Televisão (Agert) e do Grupo RBS, e hoje já conta com o apoio de dezenas de entidades como Fecomércio-RS, Federação das Entidades Empresariais (Federasul), CDL-POA, Conselho Regional de Contabilidade do RS (CRCRS), Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis (Sescon-RS) e Sindilojas POA, além de empresas e pessoas, diretamente.