Grupo RBS e Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho destinam recursos para instituições sociais | Grupo RBS
Banner Interno

Relações com Imprensa

Grupo RBS e Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho destinam recursos para instituições sociais

6ª edição do projeto irá beneficiar quatro ONGs de Porto Alegre

Editais 2021. Crédito: Divulgação

Editais 2021. Crédito: Divulgação

O Grupo RBS e a Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho (FMSS), pelo sexto ano consecutivo, promovem o Editais 2021, projeto direcionado para ações que contribuem para a transformação da sociedade. Por meio de leis de incentivo fiscais, a iniciativa destinará cerca de R$ 100 mil para pessoas físicas, jurídicas e organizações não governamentais (ONGs) voltadas à cultura, às crianças e aos adolescentes e ao esporte.

Entre os selecionados na área da cultura, estão a iniciativa Margit Kolling, que tem como objetivo realizar um Festival de Dança e Mostra de Dança Estudantil e Projetos Sociais, trazendo, para a capital gaúcha, profissionais renomados na área da dança de todo o Brasil; e a Associação Pró-Cultura e Arte Ivoti (Ascarte), programa de formação musical para crianças, jovens e adolescentes através de aulas de educação musical, canto coral e música instrumental.

Na categoria Funcriança, a Associação Evangélica Luterana de Caridade (AELCA) foi a escolhida. O projeto busca assegurar o pleno desenvolvimento psicomotor, afetivo, cognitivo e social do atendimento a crianças e adolescentes residentes na Vila Jardim, região leste de Porto Alegre.

Por meio da Lei de Incentivo ao Esporte, a iniciativa selecionada é a Fundação Tênis. Com o benefício, o programa dará continuidade às atividades realizadas nos seis núcleos de Porto Alegre, atendendo jovens em situação de vulnerabilidade e estudantes de escolas públicas.

Este ano, a iniciativa totalizou 52 inscrições válidas e, após a avaliação de documentos e análise com base em critérios como inovação, relevância e originalidade, foram definidos os finalistas. Os valores para cada modalidade foram distribuídos entre os projetos de acordo com a solicitação durante a inscrição, considerando a viabilidade de execução e a possibilidade de alcançar o maior número possível de beneficiados.

Essa é uma das principais ações sociais do Grupo RBS, por meio da FMSS. Desde 2016, o projeto já beneficiou cerca de 75 mil pessoas no Rio Grande do Sul, totalizando mais de R$ 1,1 milhão em doações para todo o Estado.