Em conexão com o público, Grupo RBS celebra premiações recebidas em 2020 | Grupo RBS
Banner Interno

Relações com Imprensa

Em conexão com o público, Grupo RBS celebra premiações recebidas em 2020

Campanha lançada nesta quinta-feira (28) valoriza a parceria dos gaúchos na conquista das 87 distinções recebidas ao longo do último ano

Anúncio campanha #TamoJunto. Crédito: Divulgação.

Anúncio campanha #TamoJunto. Crédito: Divulgação.

Baseada em atributos como proximidade e confiança, a conexão do Grupo RBS com seu público se reforça a cada ano que passa. Em 2020, os aprendizados e os desafios foram compartilhados juntos pelas marcas da RBS e pelos gaúchos, estreitando ainda mais esse vínculo. É essa relação que dá mote à campanha publicitária lançada nesta quinta-feira (28), que celebra as 87 distinções recebidas em 2020, tornando a RBS o 2º grupo de comunicação mais premiado ao longo do ano e também o 2º mais premiado da história, conforme os rankings publicados pelo portal Jornalistas&Cia. A campanha tem como conceito #TamoJunto, valorizando a parceria do público na conquista desses reconhecimentos.
No ranking histórico e no ranking de 2020 do Jornalistas&Cia, o Grupo RBS obteve 24.050 pontos e 365 pontos, respectivamente. As listagens destacam a relevância da RBS para além do seu limite de atuação, uma vez que a empresa ficou atrás somente do Grupo Globo, sendo, portanto, o grupo de comunicação regional com maior número de premiações no país.
Desde o início do ranking, em 2011, o Grupo RBS encontra-se na segunda colocação histórica, somando dez anos consecutivos na posição. Já a pesquisa de Grupos +Premiados do Ano começou a ser medida apenas em 2015 e, desde então, a RBS também ficou em segundo lugar em todas as oportunidades.
Além disso, ao longo do último mês, o portal Jornalistas&Cia publicou outros rankings nos quais a RBS e seus profissionais também obtiveram destaque. No ranking de veículos mais premiados da história da imprensa brasileira, Zero Hora e Rádio Gaúcha aparecem na quarta e sétima colocações, enquanto RBS TV ocupou a 13º posição. A listagem ainda inclui Pioneiro, Diário Gaúcho e GZH. Já no ranking de veículos mais premiados em 2020, Zero Hora ficou em 5º lugar e RBS TV em 11º. Gaúcha e GZH também aparecem no ranking.
O repórter da Rádio Gaúcha e de GZH Cid Martins ficou em terceiro lugar na lista dos jornalistas brasileiros mais premiados da história, seguido de Giovani Grizotti (8º), da RBS TV, Humberto Trezzi (12º), de Zero Hora e GZH, e Eduardo Matos (23º), da Rádio Gaúcha e de GZH. Cid Martins também foi reconhecido como o jornalista mais premiado da história na Região Sul, onde também apareceram entre as primeiras colocações Giovani Grizotti (4º), Humberto Trezzi (5º), Eduardo Matos (8º), Carlos Etchichury (11º), Ronaldo Bernardi (13º), Mateus Bruxel (16º) e Gilmar Fraga (24º). No ranking dos jornalistas mais premiados em 2020, o repórter Marcel Hartmann, de Zero Hora, foi o jornalista da região Sul que obteve o maior número de prêmios.
Entre as distinções recebidas no ano passado, estão também o Top of Mind, do Grupo Amanhã, Prêmio ARI/Banrisul de Jornalismo, Prêmio República de Jornalismo 2020, do Ministério Público Federal, Prêmio Press, Prêmio de Reportagem de Economia 2020, do Corecon-RS, entre outros.
Sobre o portal Jornalistas&Cia – Como projeto da Jornalistas Editora, o portal busca a apresentar ao mercado editorial e da comunicação o panorama das trajetórias dos jornalistas brasileiros e das redações de todo o país. Desde 2011, o Jornalistas&Cia divulga anualmente rankings de jornalistas, veículos e grupos de comunicação mais premiados do ano, visibilizando o cenário do jornalismo no país.

Grupo RBS
Prêmio: Top of Mind – Grupo Amanhã
Empresa que gostaria de trabalhar – 1º lugar
Empresa que Investe em Inovação – 2º lugar
Grande Empresa – 3º lugar
Prêmio: 500 Maiores do Sul 2020 – Grupo Amanhã – 162º lugar
Prêmio: 100 Maiores do RS 2020 – Grupo Amanhã – 59º lugar

Rádio Gaúcha
Mais Premiados Veículos da História – Jornalistas&Cia – 7º lugar nacional
Mais Premiados Veículos da História – Jornalistas&Cia – 2º lugar na região sul
Prêmio Top of Mind – Grupo Amanhã
Emissora de Rádio de Notícias – 1º lugar
Locutor Esportivo de Rádio – Pedro Ernesto Denardin – 1º lugar
Locutor Esportivo de Rádio – Maurício Saraiva – 3º lugar
Programa de Rádio – Sala de Redação – 2º lugar
Comunicador de Rádio – Luciano Potter – 2º lugar
Prêmio Press 2020
Repórter de Rádio do Ano – Eduardo Gabardo – 1º lugar
Prêmio República de Jornalismo 2020 (MPF)
Categoria Rádio – Eduardo Matos, reportagem especial “Lava-Jato chega a Temer” – 2º lugar
Prêmio Movimento de Justiça e Direitos Humanos
Categoria Rádio – Eduardo Matos, reportagem “Guardiões da Natureza” – 2º lugar
Prêmio Associação das Defensoras e Defensores
Categoria Rádio – Eduardo Matos, reportagem “Defensoria x Coronavírus” – 1º lugar
Prêmio de Reportagem de Economia 2020 – Corecon-RS
Categoria Rádio – Eduardo Matos, especial “Seguros x Pandemia” – 1º lugar
Categoria Mídia Impressa – Bibiana Mugnol, “As crises que vivi” – 2º lugar

RBS TV
Mais Premiados Veículos de Comunicação 2020 – Jornalistas&CIA – 11º lugar nacional
Mais Premiados Veículos de Comunicação 2020 – Jornalistas&CIA – 2º lugar na região sul
Mais Premiados Veículos da História – Jornalistas&Cia – 13º lugar nacional
Mais Premiados Veículos da História – Jornalistas&Cia – 3º lugar na região sul
Prêmio Top of Mind – Grupo Amanhã
Emissora de TV – 1º lugar
Programa local de TV – Jornal do Almoço – 1º lugar
Programa local de TV – RBS Notícias – 2º lugar
Comunicadora local de TV – Cristina Ranzolin – 1º lugar
Comunicadora local de TV – Alice Bastos Neves – 2º lugar
Comunicadora local de TV – Carla Fachim – 3º lugar
Comunicador local de TV – Elói Zorzetto – 1º lugar
Prêmio Press 2020
Jornalista do Ano – Troféu Sistema Fecomércio/RS – Jonas Campos – 1º lugar
Repórter Cinematográfico do Ano – Glaucius Oliveira – 1º lugar
Prêmio ARI/Banrisul de Jornalismo 2020
Categoria Vídeo – Matheus Felipe da Silva, “Negócio Bilionário: A Descoberta da Máquina de Furtar os Cofres Públicos”– 1º lugar
Categoria Vídeo – Lucas Rizatti e equipe, “Jogos do Futuro” – 2º lugar
Categoria Vídeo – Alice Bastos Neves e equipe, “Vitórias” – 3º lugar (Menção Honrosa)
Prêmio Ministério Público Estadual de Jornalismo 2020
Categoria Saúde e Educação – Gisele Borba – 3º lugar

GZH
Mais Premiados Veículos de Comunicação 2020 – Jornalistas&Cia – 22º lugar
Mais Premiados da Imprensa Brasileira – Jornalistas&Cia
Cid Martins – 3º lugar
Prêmio ARI/Banrisul de Jornalismo
Categoria Web – Larissa Roso, “Direto do Front: A Rotina Entre a Vida e a Morte” – 1º lugar
Categoria Web – Itamar Melo de Oliveira, “O que são as Peleotocas, Misteriosas Cavernas Pré-históricas que são Encontradas no RS” – 3º lugar (menção honrosa)
XIII Edição do Prêmio EPTC de Educação para o Trânsito
Imprensa – Bruno Teixeira e Jefferson Botega, “Menos mortes com bicicletas” – 1º lugar
Imprensa – Bruna Vargas, Alberi Neto, reportagem “Transporte público pede novos caminhos” – 2º lugar
Imprensa – Eduardo Matos, reportagem “Os desafios do transporte de passageiros durante e depois da pandemia” – 3º lugar
3º Prêmio Imprensa de Educação ao Investidor
Melhor cobertura regional – Marcel Hartmann, “Acerto de Contas – Educação financeira: o bê-a-bá” – 1º lugar
6º Prêmio Sindilat de Jornalismo
Categoria Online – Leonardo Vieceli, reportagem “Preço do Leite sobe com mudança no consumo e dólar em alta” – Finalista
Categoria Online – Karen Viscardi, reportagem “Leite A2A2 é opção para intolerantes e alérgicos à proteína do produto” – Finalista
Prêmio Instituto de Engenharia – Jornalismo Nacional
Leonardo Vieceli, reportagem “Destravar investimentos é desafio para retomada da economia brasileira no pós-pandemia” – Finalista
Prêmio CNT de Jornalismo
Categoria Internet – Bruna Vargas e equipe, reportagem “Como tirar o transporte público de Porto Alegre do caminho do abismo” – Finalista
Prêmio 99 de Jornalismo
Categoria Jornalistas Profissionais – Bruna Vargas e equipe, reportagem “Como tirar o transporte público de Porto Alegre do caminho do abismo” – 3º lugar
Comenda Porto do Sol da Câmara de Vereadores de Porto Alegre
Matérias investigativas de Combate à Corrupção – Adriana Irion
Prêmio Policiais Federais de Jornalismo
Humberto Trezzi – Série sobre fraudes no auxílio emergencial – Finalista
Prêmio Ministério Público Estadual de Jornalismo 2020
Categoria Defesa do Patrimônio Público – Fábio Schaffner – 1º lugar
Categoria Defesa do Patrimônio Público – Eduardo Matos – 3º lugar
Categoria Segurança Pública – Vitor Rosa e Lucas Abati – 3º lugar
Medalha Alberto André – Associação Rio Grandense de Imprensa
Tiago Boff
Prêmio de Reportagem de Economia 2020 – Corecon-RS
Categoria Mídia Digital – Fernando Soares, “Vidas Secas – Como a estiagem mudou a rotina em 10 municípios do RS” – 1º lugar
Categoria Mídia Digital – Leonardo Vieceli, “Entenda como o menor crescimento populacional impacta a economia no RS” – 2º lugar

Zero Hora
Mais Premiados Veículos de Comunicação 2020 – Jornalistas&Cia – 5º lugar
Mais Premiados Veículos de Comunicação da História – Jornalistas&Cia – 4º lugar nacional
Mais Premiados Veículos de Comunicação da História – Jornalistas&Cia – 1º lugar na região sul
Prêmio Veículos de Comunicação – Revista Propaganda
Jornal Regional – Zero Hora – 1º lugar
Prêmio Top of Mind – Grupo Amanhã
Categoria Jornal – 1º lugar
Colunista de Jornal – David Coimbra – 1º lugar
Colunista de Jornal – Martha Medeiros – 2º lugar
2º Prêmio Conif de Jornalismo
Categoria Impresso – Guilherme Justino, reportagem “Educação que inspira”, da série “RS que Inspira” – 1º lugar
Prêmio SAE de Jornalismo
Categoria Impresso – Bruna Varga e Alberi Neto, reportagem “O futuro do ônibus” – Destaque e Menção Honrosa
Prêmio Press 2020
Colunista de Jornal do Ano – Troféu Fernando Albrecht – Giane Guerra – 1º lugar
Prêmio Os Mais Admirados da Imprensa de Economia, Negócios e Finanças
Giane Guerra – 1º lugar
Prêmio ARI/Banrisul de Jornalismo 2020
Reportagem Impressa – Marcel Hartmann Prestes, “O Vírus Desigual” – 1º lugar
Reportagem Impressa – Itamar Melo de Oliveira, “Questão de Justiça” – 2º lugar
Crônica – Diogo Olivier, “É Direito Meu” – 1º lugar
Crônica – Diogo Olivier, “De Quem é a Culpa” – 2º lugar
Cultural – Larissa Roso, “Gari e Poeta” – 2º lugar
Cultural – Itamar Melo de Oliveira, “O Morro que Veio do Espaço” – 3º lugar (menção honrosa)
Esporte – Rafael Diverio, “O Futebol Acabou” – 1º lugar
Arte – Gilmar de Oliveira Fraga, “O Príncipe dos Orixás” – 1º lugar
Arte – Gilmar de Oliveira Fraga, “As Crianças e o Corona” – 2º lugar
Foto – Marco Favero, “Onde o Vírus é Mais Cruel” – 2º lugar
Prêmio de Reportagem de Economia 2020 – Corecon-RS
Jornalista de Economia do Ano – Leonardo Vieceli – 1º lugar
Mídia Impressa – Leonardo Vieceli, “Brasil tem mais uma década perdida, a pior em 120 anos” – 2º lugar
Mais Premiados da Imprensa Brasileira – Jornalistas&Cia
Marcel Hartmann – 26º lugar nacional
Mais Premiados da Imprensa Brasileira – Jornalistas&Cia
Marcel Hartmann – 1º lugar na região sul

Diário Gaúcho
Prêmio Top of Mind – Grupo Amanhã
Categoria Jornal – 2º lugar

Pioneiro
Prêmio Top of Mind – Grupo Amanhã
Categoria Jornal – 3º lugar

Rádio Atlântida
Prêmio Top of Mind – Grupo Amanhã
Emissora de Rádio de Música – 1º lugar
Programa de Rádio – Pretinho Básico – 1º lugar
Comunicadora de Rádio – Rodaika Daudt – 1º lugar
Comunicador de Rádio – Alexandre Fetter – 1º lugar
Canal no Youtube – Lives Atlântida – 2º lugar
Canal no Youtube – Atlântida Fora do Ar – 3º lugar

Rádio Farroupilha
Prêmio Top of Mind – Grupo Amanhã
Emissora de Rádio de Notícias – 3º lugar

Rádio 92
Prêmio Top of Mind – Grupo Amanhã
Emissora de Rádio de Música – 3º lugar
Comunicadora de Rádio – Cris Silva – 2º lugar
Comunicadora de Rádio – Mari Araújo – 3º lugar