Em parceria com ONG Todos pela Educação, Zero Hora dá início à sabatina eleitoral com candidatos de Porto Alegre | Grupo RBS
Banner Interno

Relações com Imprensa

Em parceria com ONG Todos pela Educação, Zero Hora dá início à sabatina eleitoral com candidatos de Porto Alegre

Série de entrevistas conduzida por Rosane de Oliveira e Guilherme Justino tem como foco as propostas para o ensino básico

Card Diálogos Educação Já Municípios. Crédito: Divulgação.

Card Diálogos Educação Já Municípios. Crédito: Divulgação.

Continuamente, em todas as disputas eleitorais, o ensino público é uma das pautas de maior relevância. Neste ano, a importância de debater esse assunto se potencializou com os obstáculos impostos pela pandemia, que exigiu a adoção do ensino remoto e evidenciou alguns dos desafios para a educação básica. A partir deste panorama, nesta sexta-feira (30), Zero Hora dá início à uma sabatina eleitoral com candidatos à prefeitura de Porto Alegre para conhecer e explorar as propostas para esse setor. A série de entrevistas, conduzida pela colunista de política Rosane de Oliveira e o repórter Guilherme Justino, é realizada em parceria com a ONG Todos Pela Educação.
A primeira entrevista acontece nesta sexta-feira, às 13h, com Sebastião Melo (MDB). Em sequência, Nelson Marchezan (PSDB) é entrevistado no dia 3 de novembro, às 14h, e Manuela D’Ávila (PCdoB) no dia 5, às 15h. O ciclo se encerra com José Fortunati (PTB), dia 6 de novembro, às 11h. A escolha dos candidatos que participarão das sabatinas foi baseada na pesquisa Ibope, contratada pela RBS TV e divulgada no dia 5 de outubro, em que apontou Manuela, Fortunati, Melo e Marchezan nas primeiras colocações. As entrevistas serão transmitidas ao vivo em GZH e também serão publicadas em Zero Hora.
O projeto faz parte da série Diálogos Educação Já Municípios, que busca estimular os concorrentes das eleições a apresentarem seus planos para a educação básica. A iniciativa do Todos pela Educação ocorre em cinco capitais, uma de cada região do Brasil. Em cada região, apenas um veículo de imprensa foi convidado a participar. No Sul, a capital foi Porto Alegre e o veículo parceiro, Zero Hora. Os temas das entrevistas têm como base as políticas prioritárias mapeadas pela ONG, por meio do documento “Educação Já Municípios”.