ATUALIZAÇÃO: DISTRIBUIÇÃO DE ZERO HORA, DIÁRIO GAÚCHO E PIONEIRO NESTA TERÇA-FEIRA (29) | Grupo RBS
Banner Interno

Relações com Imprensa

ATUALIZAÇÃO: DISTRIBUIÇÃO DE ZERO HORA, DIÁRIO GAÚCHO E PIONEIRO NESTA TERÇA-FEIRA (29)

A greve dos caminhoneiros segue impactando também a distribuição dos jornais Zero Hora, Diário Gaúcho e Pioneiro. Além dos bloqueios nas estradas, o que está determinando a dificuldade de entrega aos assinantes, às bancas e aos jornaleiros é a crescente falta de combustível nos veículos dos centros de distribuição regionais.

A RBS reitera seu compromisso com a sociedade e está empenhada em minimizar ao máximo os impactos para seus públicos.

Como fica a distribuição de cada um dos jornais nesta terça-feira (29):

ZERO HORA – Assinantes de Porto Alegre, Santa Maria, Tramandaí, Lajeado, Pelotas, Capão da Canoa (região central) e Guaíba (região central) deverão receber seus exemplares. O jornal também estará disponível para venda avulsa nessas cidades. Na Região Metropolitana, o jornal estará somente em bancas e com os jornaleiros. A réplica da edição impressa poderá ser acessada pelos assinantes no topo da capa de GaúchaZH e no aplicativo ZH Jornal Digital.  Além disso, todos os leitores têm acesso integral ao noticiário sobre a greve no site e no aplicativo GaúchaZH.

DIÁRIO GAÚCHO Leitores de Porto Alegre, Região Metropolitana, Santa Maria, Tramandaí, Lajeado, Pelotas, Capão da Canoa (região central) e Guaíba (região central apenas) poderão comprar o jornal nas bancas e com os jornaleiros. Quem está colecionando o Junte & Ganhe não precisa se preocupar: os selos das edições que tiveram circulação restrita serão republicados.

PIONEIRO Não circulará. Os assinantes poderão retirar o jornal impresso das 7h às 19h30 na sede do Pioneiro, na Rua Jacob Luchesi, 2374, Bairro Santa Catarina, em Caxias do Sul, ou na RBS TV Caxias, na Rua Bento Gonçalves, 1563, Centro. A réplica da edição em versão digital estará disponível no Pioneiro.com.

Os assinantes de ZH e Pioneiro que não receberem seus jornais impressos serão compensados com uma prorrogação do período de assinatura pelo mesmo número de dias que ficaram sem seus exemplares.